29 agosto 2011

CAPUCCINO DE IOGURTE

Esta é a última loucura cá de casa!
Todo o agregado familiar viciado em capuccino de iogurte :)
Não é uma bebida, mas sim uma sobremesa. E sabe extraordináriamente bem ao lanche.

CONFECÇÃO DO LEITE CONDENSADO DE AVEIA E CAFÉ:

  • 1 xicara de leite em pó de aveia;
  • 1 xicara de açúcar mascavado claro;
  • 2 colheres (sopa) café instantaneo de cevada;
  • 1/2 xicara de água fervente;
  • 1 colher (sopa) de manteiga de soja.

Derreter a manteiga dentro da água fervente. Triturar o leite em pó e o açúcar durante 1 minuto (velocidade 5). Juntar tudo, mais o café instantaneo. Triturar 4 minutos (vel. 5). Guardar no frigorifico de um dia para o outro antes de usar.

PREPARO DO CAPUCCINO DE IOGURTE:
  • Iogurte natural de soja;
  • Leite condensado de aveia e café.

Num copo, deite iogurte natural fresco, coloque topping de 2 colheres (sobremesa) de leite condensado (ou por outras palavras creme de leite caseiro) e coma!

26 agosto 2011

CHAU MÏN DE VIBRAÇÕES SUTIS

Nem preciso falar, pois não? Todos sabem que os vegetais são melhores que o RedBull (não deixe de ver o comercial no link).

Comer vegetais é um enlevo total. Ficamos levinhos, levinhos. Mais espirituais... diminuimos nossa densidade vibracional, nossos pensamentos ganham asas, o astral fica lá em cima, sempre colorido, a toda a hora vendo "passarinho verde", amando a vida com muita intensidade.

Experimente!! Pinte suas refeições. Perpétue a Primavera na sua mesa.

INGREDIENTES:
  • 1 Cebola média;
  • 3 dentes de alho;
  • Óleo de amendoim q.b.;
  • Feijão verde roliço;
  • Pimento vermelho;
  • Repolho branco (lombardo);
  • Repolho roxo (couve-roxa);
  • Esparguete cozido;
  • Molho de soja;
  • Sementes de gergelim (sêsamo).
CONFECÇÃO:

Numa frigideira ou wok, deite um pouco de óleo de amendoim. Refogue uma cebola em meias-luas e alhos laminados. Junte feijão verde aos tronquinhos. Deixe refogar um pouco. Junte pimento às laminas. Refogue. Adicione os repolhos laminados. Regue com molho de soja. Deixe refogar, mexendo com frequência. Quando murchar, anexe o esparguette cozido com mais um pouco de óleo e molho de soja. Sacuda, ou remexa com colher-de-pau, deixe incorporar sabores. Teste o feijão verde para notar se já está cozinhado. Não precisa cozinhar muito. Eu gosto al dente.

Quando pronto, sirva povilhado com sementes de gergelim (sêsamo).

24 agosto 2011

VAMOS "QUEIMAR" SOUTIENS P/LIBERTAR O PLANETA?

A proposta que vos trago hoje, não é assim tão ousada como parece, e não é uma queima propriamente dita! Assim como não o foi na década de 60, onde uma manifestação contra o concurso Miss América 68, ficou famosa quando um grupo de mulheres depositou no chão do Atlantic City Convention Hall, soutiens, sapatos de salto alto, postiços de cabelo, lacas, maquilhagem, revistas, espartilhos, e toda a sorte de instrumentos de tortura femininos.

Ninguém queimou soutiens, mas quem conta um conto, acrescenta um ponto e a atitude "incendiária" do movimento de libertação feminino, serviu de simbolo embelemático a todas as manisfetações que se seguiram nessa época de contestar conceitos ultrapassados e padrões rigidos de beleza.

Voltando ao ano 2011, mais precisamente ao mês atual e ao próximo mês... dou-vos a conhecer um movimento ecológico com caracteristicas comerciais. Sendo louvável de qualquer forma, desde que seja aproveitado com consciência.

A marca Intimissimi está a promover uma campanha ecológica em que o seu velho soutien vale 3 euros na compra de um soutien novo, até 31.12.2012. O primeiro objectivo da marca foi reciclar este tecido, em material para isoladores acusticos. A campanha já dura há ano e meio, desde OUT.2010 e o sucesso tem sido tal que se pensa alargar a reciclagem também ao restante material incluido nos soutiens, como outros itens de retrosaria.

Em Portugal só agora é que se ouve falar de reciclagem de lingerie, mas na Europa já existem sistemas mais elaborados com apoio comunitário, em que a população remete os soutiens usados pelo correio para centros de recolha. Muitos destes centros estão ligados a campanhas de solidariedade, na luta contra o cancro da mama, contra a pobreza... à semelhança do que temos recentemente com as tampinhas e as proteses para crianças sem membros.

É tão fácil ajudar! Só precisamos de visão alargada, informação e poder de acção.
Muitas causas bacanas nascem da união em prol do bem estar comum.

OUTROS ARTIGOS RELACIONADOS:
Campanha CTT - Esta caixa vai mudar o mundo
Bota-Minuto Campanha de Solidariedade
Promessa Timberland cumprida
Pontos BP e Reflorestar é preciso!

22 agosto 2011

PARABÉNS RÔ! - 2ºaniversário do blog ESPIRITUAL-IDADE

Então vamos lá!
O blog ESPIRITUAL-IDADE
da querida parceira de blogagem Rô (Orvalho), faz hoje 2 anos de existência. Pelo que, convidou todos os amigos para falarmos sobre:
O que é Espiritualidade para mim?

Espiritualidade para mim são todos os sentimentos bons, positivos, genuinos, inclusivos, de interajuda, de amor ao próximo...

Evoluir espiritualmente é conseguir manter-se nessa
vibração elevada. Independentemente de ser confrontado ou não, com vibrações mais densas e corrosivas.

Para isso, é necessário transmutar sentimentos negativos, nossos e de outrém, em
positivos. Em primeiro lugar esforçarmo-nos por limpar o nosso interior. Não permitir que cresçam ervas daninhas dentro de nós, que estejam a ser germinadas pelo exterior. Depois há que ajudar, quem está diante de nós, a transmutar, igualmente, sua ira, reatividade, amargura ou até dor...
E isso, somente se consegue, com o
perdão.

Perdoemo-nos uns aos outros por sermos tão imperfeitos e cultivemos a interajuda para nos aperfeiçoarmos mutuamente.
Isto é, o que Espiritualidade, significa para mim. Sem rótulos, sem divisões, sem religiões, promovendo a união, a tolerância, a paz e o bem.


20 agosto 2011

DOBRADA DE FRIGIDEIRA C/ ALHEIRA DE CAÇA VEGETARIANA

Pois é! Fui à caça de mais amizadeias, lá para os lados de Alverca. Numa recente reserva natural chamada "Cláudia na Cozinha"!
Isto das boas ideias, é contagioso: a Lina pegou-me a doença boa, eu peguei à Cláudia, fez boomerang, transmitiu-se novamente a mim...
Peço desculpa se entretanto sairem daqui com uma "virose" de boas ideias. O surto de criatividade propaga-se muito rápido. Em pouco tempo podemos estar perante uma epidemia bicontinental lusobrasileira!!
Vou torcer para que sim!!

INGREDIENTES:
  • Azeite q.b.;
  • 1 Alho porro (alho-francês);
  • 1 Tomate maduro;
  • 1 Cenoura;
  • Molho de soja;
  • Espinafres baby da horta de varanda;
  • Feijão branco cozido (usei 1 lata pequena);
  • 1/2 Beterraba cozida;
  • Caldo de cozedura da Beterraba;
  • Pitada de Sal e Pimenta;
  • 1/2 Alheira de vegetais;
  • Folhas de Sálvia da horta de varanda.
CONFECÇÃO:
Cozer a beterraba de véspera. Sem casca, com pouca água.
Aquecer o grelhador para a Alheira. Grelhá-la enquanto confecciona o acompanhamento.
Numa frigideira, deite azeite. Refogue o alho porro picadinho (parte branca). Junte tomate maduro partido e cenoura às rodelas. Regue com molho de soja e deixe refogar até a cenoura estar quase tenra.
Adicione folhas de espinafre e um pouco do caldo de cozedura da beterraba. Enquanto ferve, prepare o feijão, anexe à frigideira. Um pouco depois junte a beterraba cozida, aos cubos e retifique sal/pimenta (pois a beterraba é doce).
Sirva com folhas de sálvia. Muito especial para pratos de "caça" :)
Não serve só para decoração! Corte pequenas tirinhas de sálvia enquanto come.

NOTA:
Chamei ao prato dobrada porque quer o aspecto, quer o sabor, lembra aquele apuradinho da dobrada com feijão.

19 agosto 2011

BOLO RESIDUAL DE SUCO NATURAL

ARTIGOS RELACIONADOS:
Bombons Solares de Fibra de Fruta/Legume
Bolinho Solar de Residuo de Sumo c/ Pasta de Figo

Gosto muito de vitaminas naturais. Tenho várias publicadas aqui na etiqueta Nectar/Sumo/Smoothie. Um destes dias apeteceu-me um lanche liquido, liguei a centrifugadora para confecionar um suco de 1 laranja sem casca, 1 tira de abóbora e 1/4 de lima biológica COM casca. Delicioso!! Especialmente porque todos os ingredientes estavam fresquíssimos.
Terminada a degustação da vitamina, enchi-me de compaixão pelo resíduo desperdiçado pela máquina. Levando-me a engendrar um reaproveitamento maravilhoso. Resultado final: um bolo residual.
INGREDIENTES:
  • 3/4 xicara de Residuo do suco (Fibra);
  • 1 + 1/2 xicara de Polpa de Maracujá (Lata marca Globo);
  • Pitada de sal fino;
  • 1 xicara de Açúcar mascavado claro;
  • 1 xicara de Óleo de girassol;
  • 3 ovos M;
  • 1 clara de ovo;
  • 1 +1/2 xicara farinha Trigo (usei organica, semi-integral, T85);
  • 1/2 xicara farinha Maizena;
  • 1 colher (sopa) Fermento Royal.
CONFECÇÃO:
Num liquidificador, colocar todos os ingredientes até chegar nas farinhas e fermento. Ou seja, resíduo, polpa, pitada sal, açúcar, óleo, ovos e clara. Liquidificar durante 4 minutos, velocidade 4 a 5.
Aqueça o forno a 150º.
Unte uma forma com óleo.
Quando faltar 1 minuto adicione as farinhas (Trigo e amido de Milho que é a Maizena).
Quando faltar 20 segundos adicione o fermento. Terminado esse tempo, use a velocidade Espiga da Bimby e deixe pulsar 3 vezes para arejar a massa.
Deite na forma e leve ao forno tapado com folha de alumínio ou tampa de vidro.
Sirva regado com polpa de maracujá e quadradinhos de queijo!
NOTA NÂO MENOS IMPORTANTE:
Lembrei de usar esta polpa de maracujá porque já se encontrava fora de prazo na despensa :(
Em vez de 4 ovos, usei 3 e uma clara que sobrara da confeção do Lemon Crud do dia anterior.
Fique atenta/o ao seu frigorifico, as sobras são estímulos à criação!

17 agosto 2011

BCFV - 7ªFASE - MORTE - 15_SET_2011

O ciclo está se fechando...

Nessa fase, há uma forte ligação com a 1ª da nossa coletiva, o Nascimento.

Não é à toa que algumas pessoas se referiram à Morte, quando falaram sobre o Nascimento.
Nenhuma das fases tem uma idade cronológica definida. Com a morte não é diferente.

Pode parecer-nos incômodo falar sobre "ela", já que é tida como tabu, mas lembremos que há vários aspectos positivos nas mortes em vida, nas experiências de quase morte, no pressentimento dela que nos faz acordar para a vida.

Sim, porque muita gente vive adormecida, sem dar valor ao sopro de vida que as anima e só quando estão perante o ilusório fim do caminho é que se agarram à vida, com unhas e dentes.


Há os casos em que muitas instituições beneficentes surgem após a perda de um ente querido. E o que dizer da possibilidade de gerar uma nova vida apartir da doação de órgãos?


Outras reflexões podem ser feitas nessa fase. Vemos, com frequência, que assim que a pessoa morre, passa a ser o melhor homem/mulher que habitou a terra. Será que a compaixão transfo
rma nossa perspectiva? A morte faz esquecer os maus momentos da vida e realça os bons?

Há povos que celebram a partida, que cantam, que encaram de uma forma diferente da maioria.


Bom, mas se não lhe apetece falar de Mortalidade, falemos de Imortalidade :) Que tal? Você gostaria de ser Imortal? Ou gostaria de ter poder de decisão, ao fim de uns séculos de vida, ter à sua disposição um botão ON/OFF para carregar quando se cansasse de tanto viver?


Tudo isto nos conduz à inevitável questão: VOCÊ GOSTA DE VIVER?

ImageChef.com

Venha partilhar conosco suas reflexões em 15 de Setembro.

NOTAS IMPORTANTES:
* Os participantes não são obrigados a seguir todas as fases, podem participar apenas nas que desejarem.
* É permitido trazer para o dia de publicação qualquer artigo já publicado que se adapte ao tema.
* O artigo participante pode servir mais do que uma blogagem coletiva, desde que não fuja à temática.
* No dia 15, uma vez publicado seu post, avise-nos. Divulgaremos que estão participando, para que todos possam ler!
As coordenadoras esperam por vocês, com o carinho de sempre :)
Grata por se manterem ao nosso lado nesta longa caminhada já de... 7 meses!!

15 agosto 2011

MELHOR IDADE - ENTENDER O SENTIMENTO DE TEMPO

BCFV - 6ªFASE - MELHOR IDADE

De tudo o que já lhes disse sobre mim, venho dizer-lhes agora que sou bastante intemporal. Só não sou mais porque a profissão não o permite: sou uma contabilista que está sujeita a prazos fiscais (injustos) sentindo-se oprimida por isso... então desde que as multas "salgaram"... não dá mesmo para entregar declarações fora de prazo!

Porém, como trabalho por conta própria, benefício de horário flexivel e trabalho consoante meu ritmo pessoal. Por exemplo, posso folgar de manhã, mas depois ter de regressar ao escritório após o jantar, ou ter de trabalhar ao fim-de-semana. Trabalho em casa e vou orientando a lida ao mesmo tempo.

Com isso, descartei por completo o relógio. Não uso no pulso, não uso na mesa-de-cabeceira, não tenho nenhum de parede... O que vale é que o telemóvel tem, o computador e o carro também. Mas ainda assim, raramente consulto estes três equipamentos temporizadores.

Gosto de acordar ao natural e sem despertador. Gosto de comer quando tenho fome e não quando são horas das refeições. Gosto de me deitar só quando tenho sono e por vezes acontece deitar muito cedo, outras vezes tarde demais. Em todas essas ocasiões não olho a máquina do tempo!

Treinei meu corpo tão bem que tudo joga certo! Geralmente o sono vem na hora ideal, dá-me fome à hora normal, acordo à hora necessária, talvez porque meus hábitos não mudam muito.

Desde os meus 30 anos decidi, igualmente, libertar-me do calendário (dentro do possivel).
Não comemoro aniversários, simplesmente perdi o habito, não é fuga. Mas um ano por outro já tem acontecido um bolinho compartilhado em familia. Mas a familia também não liga para datas festivas. Dai que deixamos de comprar prendas de Aniversário, Páscoa ou Natal. Costumo dizer que só comemoro Desaniversários (para compreender aceder aqui). E que todos os dias estou de parabéns!

Outra particularidade ligada ao calendário são as férias. Apesar de amar viajar e de já ter feito viagens maravilhosas, raramente consigo ausentar-me mais que uma semana, porque trabalho sozinha. Dai que quando fico por Portugal não tiro férias. Prefiro assim pois não concordo com o stress antes de ir de férias, nem com a "depressão" pós-férias quando estas são enormes (1 mês por ex). Prefiro levar uma vida mais tranquila, intercalada com alguns dias de ócio, do que levar 11 meses de árduo trabalho para conseguir ficar parada 1 mês por ano!

Por fim, libertei-me do espelho! Sim, também é uma máquina do tempo! Vigiar as rugas, os cabelos brancos, a barriguinha, o pneu lateral... é pior que olhar no relógio, no calendário ou na certidão de nascimento! Pásso no espelho descontraidamente, só para ver se não vesti nada ao contrário, ou se conjuguei bem as cores. De resto, não teço grandes considerações sobre o passado, presente ou futuro. Porque no fundo o tempo é uma ilusão!

Mais do que uma ilusão, o tempo é, sem sombra de dúvida, uma prisão!!

Além de tudo isso não dou ouvidos à sociedade, nem à obsolência programada humana que querem fazer-nos acreditar.
Um Homem não é o seu corpo, não é o seu cartão de identidade, nem seu nome é!
Um Homem é a sua mente iluminada por uma consciência evoluida. Pelo que deve agir de acordo com isso, cuidar de ginasticar o cérebro mais do que os músculos visiveis, fortalecer a sua conduta mais que seu patrimonio, aperfeiçoar o seu ego superior mais do que ceder às negatividades do ego inferior.

E desde o principio do post que vocês devem estar questionando: Quem é essa linda mulher de olho azul? Minha avó. Atualmente com 78 anos, nessa foto devia ter uns 75/76... Fizemos um cruzeiro juntas no Mediterraneo.
Vão pensar que eu aprendi tudo o que falei, com ela, mas não! Ou melhor, indirectamente foi.
Desde mocinha que minha avó era meu Ídolo. Sempre muito bem arranjada, perfumada, pintada, bem vestida, simpática, comunicadora, prá frentex... alguém a quem eu podia contar minhas mágoas amorosas sem tabús nem censura. Sempre desabafei com ela em vez de desabafar com minha mãe.

Porém, na minha opinião, minha avó não soube envelhecer. Não soube aceitar com sabedoria o passar dos anos, continua stressando com o relógio, vivendo prisioneira do calendário, demorando 1 hora ao espelho, todos os dias para se aprontar. Não querendo usar óculos em sociedade para não parecer pitosga (mas é!). Deixou de ler livros e de ver filmes estrangeiros legendados porque não consegue ler. Consome telenovelas em dose tripla que estupidificam seu cérebro, não tem cuidado com a alimentação porque os medicamentos resolvem tudo, só dorme à base de comprimido... E sofre, sofre muito interiormente! Vive em constante medo e ansiedade! Luta a toda a hora contra a Melhor Idade, aquela que deve ser o acumular sábio das experiências vividas.

Como gosto de prevenir para não ter de remediar, aprendo com os erros de minha avó e gostaria de ter uma 3ªidade Melhor, crescer na serenidade que já vivo agora, evoluir na consciência que se expande a cada dia. Se ao menos eu soubesse como travar a involução da minha avó querida! Mas não tem como flexibilizar sua maneira de viver, ela é um arquetipo da sociedade de consumo. Assim como eu, já em tempos idos, o quis ser.

Pãozinho da avó Rute

PARTICIPAÇÕES DESTA 6ªFASE DA COLECTIVA:

2-ContosOuFatosSurreais.blogspot.com; 3-FractaisDeCalu.blogspot.com
4-AescolaÉbela.wordpress.com; 5-AromaDeCafé.blogspot.com
6-FloraDaSerra.blogspot.com; 7-SementesDiarias.blogspot.com
8-Nabiroskinha.blogspot.com; 9-PereiraPequeno.blogspot.com
10-LucinhasDreamGarden.blogspot.com; 11-MariaLuizaSaes.blogspot.com
12-Mariazinhap.blogspot.com; 13-AnaCristinaP.blogspot.com
14-BlogDeDoraRegina.blogspot.com; 15-PensandoEmfamilia.com.br
16-EsplendorDaCriação.blogspot.com; 17-ArteLivreVimaje.blogspot.com
18-www.NacoZinhaBrasil.com; 19-AsasDosVersosEreversos.blogspot.com
20-Espiritual-idade.blogspot.com; 21-MSocorroM.blogspot.com
22-Misturão.blogspot.com; 23-EnsinoRegular.blogspot.com
24-EuCrioAminhaVida.blogspot.com; 25-ZildaSantiago.blogspot.com
26-CasaCoisasEsabores.blogspot.com; 27-LuluExperiência.blogspot.com
28-wwwLarEncantado.blogspot.com; 29-BelRech.blogspot.com
30-ConhecerKardec.blogspot.com; 31-MamyRene.blogspot.com
32-OlharesEsaberes.blogspot.com; 33-www.sonhareser.com.br

07 agosto 2011

MATURIDADE ECOLÓGICA NA TEIA AMBIENTAL

Dia 15 de JUL foi dia de Maturidade na nossa BCFV, e conforme já vem sendo hábito, mantenho a temática na Teia Ambiental.

Afirmavamos no post de abertura de temporada que «MATURIDADE não tem a ver com idade física. Por isso não quisemos balizar as fases em intervalos etários. Há pessoas que são imaturas a vida inteira. Há crianças e adolescentes que demonstram uma maturidade impressionante.»

Mas de fato, o grau de Maturidade passa por vários contextos:

Idade Fisica, é o grau mais visivel e que nos pode confundir. Julgar uma pessoa matura pela idade cronológica, aspecto físico, ou suposta experiência de vida;

Idade Afetiva, é aquele grau que pode ser mascarado. A pessoa esconde seus medos, inseguranças, carências, mostra-se compreensiva, faz supor que possui sentimentos maduros e que consegue gerir bem sua emotividade;

Idade Mental, é o grau de consciência, de si mesmo, do que o rodeia, de tudo o que existe, material ou imaterial. Pensar, raciocinar, reflectir com sabedoria e equilibrio;

Idade Social, é a passagem do egocentrismo para o comportamento social. Uma adaptação sadia e harmônica ao ambiente envolvente. A capacidade de se relacionar com o exterior, após aprender a relacionar-se consigo próprio.

É aqui que eu quero chegar, ao exterior, ao ambiente, à ecologia. Esta descentralização de nós mesmos acontece por escalas. Tal e qual um terramoto. Possui um epicentro que é o nosso ego e vai expandindo-se ao agregado familiar, à nossa casa, familia directa, amigos, colegas, ao local de trabalho, ao animal de estimação, ao bairro onde moramos... aumentando a escala gradualmente. A essa evolução chamamos Maturidade.

Por sua vez, ser imaturo é não se expandir, fechar-se dentro de si, da sua pequena visão, viver dentro duma miopia ilusória que lá fora tudo vai bem, jamais interferirá na nossa redoma de vidro: Olhos que não vêem, coração que não sente.

kkkkê! problemas ambientais? Nãhhh, na minha casa não usamos disso! kkkkê poluição? Que nada, eu desifecto tudo, nem ácaros deixo pernoitar na minha cama! kkkkê residuos e maus odores? Menina, despejo o lixo de manhã e à noite, tudo em saquinho próprio e comprei uns ambientadores ótimos, electricos, que bombeiam cheirinho no ar de x tempo em x tempo. Comprei um para cada assoalhada da casa!

Eu pergunto: - Ai é? Limpou e desifectou sua casa com produtos fortes, anti-bacterianos, tóxicos e alguns cancerigenos. E para onde foi essa água, suja e contaminada?

Quem é imaturo responderia: - Sei lá! Nem me interessa. Desde que não fique na minha casa!

Problema é que fica. Sempre ficam presenças dos produtos no chão, no fogão, forno, roupa de cama, roupa pessoal... Lembra daquele poderoso desengordurante que deixou seu forno como novo? Daquele removedor de nódoas dificeis? Do branqueador que deixou sua cuequinha com uma brancura invejável? Pois é... não faço ideia porque é que você tem alergias de pele... infecções urinárias... nem percebo porque está sempre pegando viroses, será porque seu sistema imunitário "encostou à bananeira"? Afinal está tudo desbacterizado, para quê ter um sistema imunitário de plantão o tempo todo?
Quando me perguntam onde é a sua casa, respondo: No planeta Terra.
Quem é a sua familia: Todos os seres vivos.

Você tem um animal de estimação: Tenho, uma osga na horta de varanda.Também já tivemos um carcacol que veio numa alface biológica, e uma lagarta linda,com muitas patas que foi das primeiras manifestações de vida na horta.Antes nenhuma planta vingava lá. Onde não há bicho, não há vida natural.

Você usa produtos anti-bacterianos: Não, não uso não. Nem quando se ouviu falar no perigo epidemico de Gripe A. O mundo microscópico possui as suas batalhas internas onde não gosto de interferir. Caso contrário mato o exercito bom enquanto extermino o exercito "mau". Preciso de todas essas bactérias para me ajudarem na fermentação do pão, do iogurte, das conservas, do vinho de kéfir, da pasta de mostarda... As pessoas admiram-se porque é que aqui tudo dá! Eu acho que é porque vivemos em harmonia com o ambiente.
-- --
O neurocientista António Damásio, n´"O Livro da Consciência" explica-nos esta passagem da consciência nuclear para a consciência alargada, do eu-enquanto-objecto (sendo a soma de tudo o que o individuo considera seu) para o eu-enquanto-sujeito (enquanto conhecedor de tudo o que o rodeia, pertencente a uma realidade maior).

Um exemplo muito simples é aquele individuo que come uma maçã. Ao nível duma consciência nuclear, ele degusta o sabor, a sensação de trincar, o saciar da fome, sendo esta uma consciência muito individual. Expandindo a consciência, ele pensa na macieira, se é fruta da época ou não, biológica ou não, etc...Tudo isto vai tendo ligações a outras temáticas, o acesso a uma visão holistica, consoante este individuo seja conhecedor e seu grau de maturidade seja evoluido. Deu para entender a diferença entre consciência básica e alargada?

O/Participações que servirão de ajuda para Despertar sua Consciência:

AromaDeCafé - Vamos melhorar Portugal com Lixo
EssênciaEstrelarMaia - Manifesto pela Noosfera
FloraDaSerra - O Veneno está na Mesa
CozinhandoComJosy - O Pão nosso de cada dia
LarEncantado - Água
PitacosDaMorgye - Alimentos para o novo tempo
Alma Mater - Segunda sem Carne
ConhecerKardec - Morte lenta e gradual dos rios de Rio Preto
Espiritual-Idade - Ano Internacional das Florestas
Natureza...lindaaaaa!!! - Eu participo, participe também
FractaisDeCalú - Por uma vida melhor

03 agosto 2011

AMIZADEIAS 2 - RANCHO DE FRIGIDEIRA

ARTIGO RELACIONADO:
Salteado de Marylini com Amizadeias

Começo por esclarecer que Amizadeias são Ideias das Amizades :)
Ou seja, neste movimento de boomerang entre blogs conhecidos, acontece ficarmos sempre com vontade de reproduzir rasgos de criatividade alheia. Eu e a Lina então é por demais, entramos muito em sintonia, porque apostamos na simplicidade e espontaneidade do momento.
Não se trata aqui de medir talentos, mas sim de ser prática e eficiente na cozinha.
Desta vez calhou mesmo bem: passei no blog dela antes de almoço, cheirei a inspiração publicada, espreitei o meu frigorifico e não é que tinha 1/2 lata de grão e um resto de omolete à espera de reciclagem!!??
A omolete de hortelã deu a este prato um sabor explosivo! Em cada pedacinho, uma explosão de sabor a hortelã, inundava o meu sistema respiratório e digestivo. Indescritível a sensação.
INGREDIENTES:
  • Azeite q.b.;
  • 1 cebola média;
  • 2 tomates muito maduros;
  • 3 dentes de alho;
  • 3 folhas de Acelga (colhi na hora, da horta de varanda);
  • 1/2 lata Grão cozido;
  • Molho de soja;
  • Pimento vermelho picadinho;
  • Resto de Omolete de Salsicha soja e Hortelã.
CONFECÇÃO:
Numa frigideira anti-aderente refogue 1 cebola às meias-luas, alhos laminados e tomate picado, em azeite. O tomate foi um aproveitamento, pois estáva tão madurinho que parte já acusava deterioração. Foi escolhida a parte boa e deitada fora a parte estragada, claro.
Quando começam a surgir os sucos dos vegetais na frigideira e a cebola vidrou, arranquei 3 folhas de Acelga da floreira, lavei, cortei e juntei ao refogado. Assim que as folhas murcham, junta-se o grão. Tempere de molho de soja (em alternativa ao sal) e termine com 1/2 pimento vermelho picadinho, quase antes de apagar o lume.
Gosto de sentir os legumes al dente, dai não os cozinhar muito.
Antes de servir, cortei um pedaço de omolete em tiras finas e coloquei por cima, sem aquecer, pois o grão ainda fumegava quando saiu da frigideira.
Graças à Lina, regalei-me com um prato gourmet de "restos" de cozinha :) Obrigada!!
Esqueci de dizer que os produtos utilizados são todos organicos. Intensos de sabor!

01 agosto 2011

LANCIALÃOLOA BALLS com LEITE CONDENSADO DE SOJA

Ó Mãe, eu não gosto de Melão,
nem de Meloa,
nem de Melancia...
Só gosto de frutos redondinhos,
uvas, morangos, cerejas...

(Ai é! Espera aí que eu já te troco as voltas...)

Carol, olha aqui este fruto novo que a mãe comprou. Tão lindo (já dentro da tacinha).
A mãe vai colocar leite condensado de soja como tu gostas nos morangos.

-Ó Mãe... é mais ou menos... Como se chama?
(ah pois, deixa ver se me lembro...é estrangeiro...)
Lancialãoloa balls :)